Gravidez na Adolescência e Suas Consequências

Apesar de estarmos no século XXI e com um mundo de informações ao nosso redor, ainda é extremamente alto o número de gestantes adolescentes. De acordo com o Ministério da Saúde, no Brasil nascem cerca de 1 milhão de  crianças, sendo que 500 mil são de mães menores de 19 anos. Tais dados são preocupantes, pois, mesmo com toda a informação repassada por meio da televisão, internet, pais e educadores, a quantidade de mães adolescentes continua alta.

Psicólogos e estudiosos afirmam que apenas a reflexão sobre os riscos e consequências causadas por uma gravidez precoce pode, realmente, reduzir estes números. É preciso que as jovens atentem-se às consequências de uma gravidez precoce e entendam que esta não é a fase da vida ideal para gerar um filho.

Gravidez na Adolescência e Consequências

Gravidez Precoce e Indesejada: Quais as Consequências?

Para auxiliar na disseminação da informação e reflexão das jovens brasileiras, preparamos este artigo com as principais consequências da gravidez na adolescência. Se você é mãe ou pai, leia, entenda e dialogue com suas filhas. Se for parente próximo ou educador, faça mesmo. Agora se for uma adolescente, redobre sua atenção e entenda como a sua vida pode mudar e quais as possíveis consequências, caso torne-se uma gestante adolescente.

1- Problemas de saúde que agravam o ciclo gestacional, tais como hipertensão gestacional, anemia, partos prematuros e bebês com peso abaixo do ideal.

2- Abandono dos estudos, já que muitas mães precisam se dedicar integralmente ao futuro filho ou, em muitos casos, trabalhar para prover o sustento da criança. Em alguns casos, mesmo quem trabalha opta por interromper os estudos e se dedicar integralmente ao filho.

3- Relacionamentos instáveis com os parceiros, já que grande parte dos pais adolescentes não arca com a responsabilidade do filho, ficando a mãe totalmente dependente de pais e familiares.

4- Necessidade de parto cesariana, já que o corpo da mão adolescente ainda está em formação, sem aptidão para um parto natural.

5- Possibilidade de aborto. Encontrando-se em uma estrutura inadequada para a geração do filho, muitas adolescentes optam pelo aborto ilegal.

6- Descontrole emocional e depressão pós-parto.

Consequências Gravidez na Adolescência

Esperamos que este artigo auxilie na reflexão das consequências e riscos de uma gravidez precoce, indesejada e mal planejada. Lembre-se de que a informação e a prevenção são as principais ferramentas para controle da taxa de natalidade entre adolescentes.



Faça um Comentário